As cercas elétricas são outro clássico da segurança externa. Ferramentas já bastante recorrentes na segurança eletrônica, oferecem proteção física robusta contra ação de invasores. Além disso, a própria visibilidade do equipamento gera intimidação e desestimula a ação de indivíduos mal-intencionados.

A cerca elétrica, como o nome já indica, opera por meio de um componente conhecido como energizador. Ele é o responsável pela conversão direta da energia convencional da rede em um pulso de altíssima tensão, conduzido e distribuído de forma uniforme.